5.8.13

[MISC] Entrevista especial de Dae Sung (D-LITE) para o site Tower Records.

Dae Sung - Tower Records - 22jul2013


Entrevista especial de Dae Sung (D-LITE) para o site Tower Records, feita após o cantor terminar sua primeira turnê solo, através de 20 cidades japonesas.

Confira tradução completa abaixo.

 P: Como você se sente sobre sua turnê solo japonês, que durou de março a junho?
Dae: Para mim, cada etapa foi como uma nova lição. Como eu nunca havia tido atividades individuais antes, foi minha primeira experiência. Eu não sabia muito bem o que fazer durante as 2-3 horas de show, então estive o tempo todo pensando sobre o que fazer para levantar o astral da plateia.

P: Qual sua impressão ds membros da banda, que se apresentaram em suas performances?
Dae: Simplesmente os melhores! E todos os músicos que me apoiaram no Japão. Eles sempre me ajudaram com conselhos. O back vocal e os membros da banda, eles me apoiaram, não só através de palavras, mas também em cima palco. Se eu tinha problemas com a voz, ou estava de muito bom humor, eu sempre olhava para os membros da banda. Eles ainda me apoiaram com várias atividades no palco (por exemplo, quando fingi estar tocando teclado).

P: Esta foi uma idéia de Sasaji Masanori (risos).
Dae: Sim, sim. Sasaji-san e o back vocal Masaki-san, e ainda Gorou-san e Muraishi-san (baterista), graças ao seu trabalho eu tive energia no palco. Marty Friedman foi apenas incrível. Eu estava tão emocionado. O apoio da banda no palco não acontecia apenas com troca de palavras, mas um grande apoio de verdade!

P: Sobre as canções do álbum “D’scover”, quando eu as ouvi ao vivo, elas nos passam muita energia. Por exemplo, “Joyful”, de Ikimonokatari…
Dae: Cantar “Joyful” era realmente divertido! Dependendo da reação dos fãs no dia, eu cantava uma versão totalmente diferente de “Joyful”. Versão hip-hop ou a versão enka, não importa (risos). E também, embora não esteja incluída no álbum, fiquei impressionado ao cantar Miraiyosozu II. Eu não consigo expressar o que senti ao estar no palco e ouvir todos os fãs cantando o refrão. Eu estava feliz. Depois disso, quando estávamos todos cantando juntos o resto do refrão, eu senti que estava no lugar certo, onde todos nos tornamos uma única voz. Nunca vou esquecer esse sentimento.

P: Uma turnê por todo o país, incluindo 20 locais, não é algo fácil de esquecer, certo?
Dae: Certo. Eu guardo memórias preciosas de cada lugar onde me apresentei.

P: Você provavelmente experimentou muita comida típica deliciosa, correto?
Dae: Absolutamente correto! Isto foi muito importante! Mas, de todos os lugares que visitei, Sapporo foi o que mais me impressionou. Sapporo é realmente… o melhor! Particularmente, eu gosto muito de frutos do mar, como ouriço do mar. Em Sapporo eu comi Unidonburi, Butadon e também carne de frango, Jingisukan também é muito gostoso. Então, em Sapporo eu comi uma grande variedade de pratos. Estava tudo delicioso! (Risos). Quando o Big Bang foir ao Sapporo, para sua turnê no Sapporo Dome eles se divertirão. Ouvi dizer que a neve de Sapporo é macia e fofa, e que você não se machuca muito quando cai. Então, eu gostaria de passar minhas férias em Sapporo.

Fonte: tower.jp via @alteen_ai
CR: bigbangbrazil

0 comentários:

Postar um comentário